citroeste-slidshow-caju

Informações

Saúde em dose dupla. A parte amarela ou vermelha, chamada pseudofruto, é apenas a haste que sustenta a verdadeira fruta, a castanha. Mas como ambos possuem inúmeros benefícios, você só tem a ganhar com seu consumo.
Nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, ele é ‘figura’ das mais populares. Está presente na poesia, nos ditados populares, nas crendices, no folclore e, claro, na culinária. Graças ao aroma e sabor delicioso sua fama já se espalhou por todo o país e até no exterior. “Os alimentos nas cores amarela, laranja e vermelha possuem carotenóides, principalmente betacaroteno e licopeno, que reforçam a defesa imunológica e diminuem as chances de se desenvolver câncer ou outra doença degenerativa. Sangue bom e ossos fortes.
A polpa possui sumo aromático, às vezes muito doce, outras mais ácida ou azeda. O que não muda nunca é a elevada presença de vitamina C. Aliás, nesse quesito, o caju só perde para a acerola.
Já a castanha, o fruto propriamente dito, também traz suas vantagens. Integrante do seleto grupo das frutas oleaginosas ao lado de nozes e amêndoas, entre outros, é rica em ácidos graxos poliinsaturados e, por isso, ajuda a combater o LDL ou o ‘mal colesterol’. Graças ao zinco e ao selênio, diminui a chance do aparecimento de câncer no organismo (especialmente o de próstata, que atinge o homem); suas fibras ajudam a limpar e a proteger as paredes intestinais; e, por possuir bom teor de cálcio, previne contra a osteoporose. Acredite, a castanha também pode ajudar na dieta e no controle de peso. É só não exagerar.
Versátil, o caju vai bem em sucos refrescantes e nos mais variados tipos de doces, como sorvetes, compotas e tortas.

Embalagem: 300 g

Tabela Nutricional

citroeste-projetos-tabela-caju

Outros Produtos

Cajú

Updated on 2014-10-31T16:49:13+00:00, by citroeste@dmin.